Skip to content

Brand Upon the Brain!

08/12/2009

A exibição de “Brand Upon the Brain!”(2006) no 57º Festival de Berlim foi um evento a parte. Acompanhado da Orquestra Volkswagen e narração vibrante de Isabella Rossellini, o longa do canadense Guy Maddin foi ovacionado no Deutsche Oper Berlin.

Lírico e expressionista,  o eletrizante suspense mostra o retorno do jovem Guy à misteriosa ilha onde passou sua infância morando em um farol e revive a trama desprendida da chegada de dois jovens detetives guiados pela sombrio das relações opressivas da família de Guy. O protagonista ainda nutre um complexo de Édipo ao passo que sua irmã desenvolve um relacionamento homossexual com um dos recém-chegados a ilha. Maddin, do fantástico e excêntrico “The Saddest Music in the World”(2003) protagonizado por sua musa Rossellini  consegue em “Marcado Na Mente” recriar em definitivo a urgência do nascimento do cinema.

Eu queria colocar na tela os efeitos literários. Eu gosto do modo que a leitura de uma metáfora perfeita produz efeitos quase narcóticos“, e segue dizendo que aceita a qualificação de ‘experimental’ de seus filmes por não serem comerciais ou apenas divertidos. Isso, de fato, não são.

Anúncios
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: