Pular para o conteúdo

Oscar 2010

“The Hurt Locker”

. Melhor Filme . Melhor Ator . Direção . Cinematografia . Edição . Trilha Sonora . Roteiro Original . Som . Edição de Som .

Sem glorificar ou justificar a violência, Guerra ao Terror(2008) não é um filme de viés político. É um drama/ação centrado numa guerra atual, o que coloca o entretenimento em conflito, pois a maioria dos espectadores não aspira num filme de ação deparar-se com a realidade de forma tão crua e imediata, e a execução  muscular das câmeras de Bigelow consegue sustentar o longa sobre esta premissa.

ler post https://abonequinhaviu.wordpress.com/2010/02/23/the-hurt-locker/

.

“Distrito 9”

. Melhor Filme . Edição . Efeitos Visuais . Roteiro Adaptado .

Neill Blomkamp concorre com seu ex patrão em quase todas categorias. O diretor e roteirista que aos 22 anos teve indicação ao Prêmio Emmy pelos efeitos visuais na série televisiva de James Cameron:  “Dark Angel”, inova já pela perspectiva documental apresentada no ínicio e a refrescante idéia de um protagonista antiherói, um ordinário funcionário da empresa privada MNU que administra o Distrito 9: colônia cercada onde vivem os alíenigenas após serem ‘resgatados’ da nave mãe.

ler post  https://abonequinhaviu.wordpress.com/2009/10/19/distrito-9/

.

“Precious: Based on the Novel Push by Shapphire”

. Melhor Filme . Direção . Edição . Atriz . Atriz Coadjuvante . Roteiro Adaptado .

Precious é pobre, negra, obesa, analfabeta, abusada sexualmente pelo pai, com quem teve uma filha a quem chama de Mongo “de mongolóide”, ela relata para a assistente social, a criança criada pela avó tem síndrome de down, Precious está grávida novamente. A adaptação para o cinema por Lee Daniels, assim como em Shadowboxer (2005) é cru e imediato, fugindo de qualquer indulgência.

ler post https://abonequinhaviu.wordpress.com/2010/03/01/precious/

.

“Up in the Air”

. Melhor Filme . Melhor Ator . Atriz Coadjuvante . Direção . Roteiro Adaptado .

Amor Sem Escalas” é ,de fato, um ótimo filme, ágil, cativante; há boa química entre os protagonistas numa sofisticada comédia romântica. Mas o diferencial do longa é a abordagem espirituosa (assim como fez em Juno(2007) e Thanks for Smoking (2005)), e reducionista de Jason Reitman, tratando do tema das demissões em massa, esse amargo resultado do corporativismo capitalista em tempos de recessão em um blockbuster americano. JK Simmons (Burn After Reading (2008) e Juno) está entre os demitidos, que inclusive figuram um epílogo relatando algumas otimistas experiências que podem ser extraidas em uma “transição de carreira”: seis indicações ao maior prêmio do cinema americano: condescendência.

ler post completo https://abonequinhaviu.wordpress.com/2010/03/05/up-in-the-air/

.

“An Education”

. Melhor Filme . Melhor Atriz . Roteiro Adaptado .

An Education”(2009) é um filme difícil de se comprar. Ao contrário do que tenta vender, um romance de uma jovem ingênua seduzida por “um grande Gatsby”, o ensaio autobiográfico é um filme seguro e manipulador. Talvez mereça o Oscar de roteiro adaptado por ter sido fiel no auto-engrandecimento de sua autora, Lynn Barber.

ler post https://abonequinhaviu.wordpress.com/2010/02/19/an-education/

.

“Avatar”

. Melhor Filme . Direção . Cinematografia . Direção de Arte . Edição . Trilha Sonora . Edição de Som . Som . Efeitos Especiais .

Na estória, missão das forças armadas são enviadas e este planeta, e a personagem de Sigourney Weaver lidera o grupo de cientistas que pretende estudar as peculiaridades da fauna e flora local; tamanho é seu fascínio com harmonia da natureza e seu discurso ecologicamente correto sempre entre um cigarro e outro. Enquanto isso não é discreto o objetivo real do chefe corporativo, o erroneamente escalado Giovanni Ribisi: extrair um mineral valioso. Sim, a sustentabilidade versus lucro, Avatar(2009) é uma grande alegoria a política atual.

https://abonequinhaviu.wordpress.com/2010/03/02/avatar/

.

“The Blind Side”

. Melhor Filme . Melhor Atriz .

Sem grandes reviravoltas mas nem por isso menos envolvimento e torcida por parte do espectador, John Lee Hancock opta por não explorar visualmente a infância traumática com a mãe viciada em drogas e passagens por lares adotivos, essas informações são entregues em diálogos, deixando espaço para a emocionante jornada de Mike a partir de sua entrada como semianalfabeto em Wingate, uma batalha acadêmica para garantir uma bolsa de estudos em uma faculdade com objetivo de jogar profissionalmente ao comovente epílogo com imagens reais da entrega do prêmio da NFL(National Football League) concedido ao blind side do Baltimore Ravens, Michael Oher.

ler post completo https://abonequinhaviu.wordpress.com/2010/03/18/the-blind-side/

.

“Crazy Heart”

. Melhor Ator . Melhor Atriz Coadjuvante . Melhor Canção .

Um instinto de intimidade ressona numa modéstia positiva que deixa espaço soberbamente valorizado pelo elenco. Bridges no topo, concorrendo e certamente levando a estatueta de melhor Ator (aliado a exímia atuação e a falta de concorrência,  Jeff Bridges  já foi indicado outras quatro vezes e injustiçado em Big Lebowski), Maggie Gyllenhaal, com nomeação mas certamente não tem o impacto de Mo’nique (coadjuvante em Preciosa). Crazy Heart(2009) ainda concorre com “The Weary Kind” a canção original.

ler post https://abonequinhaviu.wordpress.com/2010/03/06/crazy-heart/

.

“A Serious Man”

. Melhor Filme . Roteiro Original .

A “perspectiva” é evocada não só quanto ao fato do gato de Schrodinger estar vivo ou morto, mas igualmente no folclore iídiche apresentado na forma de prólogo, um homem auto-proclamado racional recebe outro para jantar enquanto sua mulher acusa o convidado de dybbuk, um morto-vivo. Assim como das fábulas bíblicas, Larry quer extrair um significado das coisas que acontecem, das decisões que parecem estar sendo tomadas por terceiros, seja na sua profissão ou família, e procura sua resposta na sabedoria de três rabinos, enquanto tenta se manter correto: um homem sério.

ler post https://abonequinhaviu.wordpress.com/2010/02/23/a-serious-man/

.

“The Lovely Bones”

. Melhor Ator Coadjuvante .

Com exceção de “Almas Gêmeas”(1994), não tenho nenhuma empatia pelos filmes de Jackson, mas o trailer de Lovely Bones parecia promissor, todavia a suspeita de que Susie se corresponde com seus familiares e os leva a seu assassino não procede, sua (falta de)comunicação é apenas sentida como uma presença, e o único momento em que ‘se materializa’ é para ter o primeiro beijo que nunca teve (em vida ). Um fiasco.

ler post https://abonequinhaviu.wordpress.com/2010/02/25/the-lovely-bones

.

“O imaginário do doutor Parnassus”

. Figurino . Direção de Arte .

O estratagema de Terry Gilliam de convocar Johnny Depp, Jude Law e Colin Farrell para interpretar o mesmo papel de Heath Ledger funciona perfeitamente já que Ledger concluiu as cenas ‘fora do espelho’ do início ao fim da estória, então os atores assumem o personagem apenas durante cada incursão no mundo da fantasia. As excelentes atuações e direção de arte não são suficientes para  transformar o longa num grande filme.

ler tudo: https://abonequinhaviu.wordpress.com/2010/02/14/parnassus/

.

“The White Ribbon”

. Filme Estrangeiro . Fotografia .

A perversidade cresce nos deliberados incidentes seguintes enquanto o narrador revela o intrincado cotidiano local, enraizado em repreensão sob forma de severas e indefectíveis formalidades, em grande parte, executadas metodicamente pelo pastor; a emblemática fita branca,  é uma das manobra de mortificação empregadas por ele para que seus filhos retomem a inocência, mais um símbolo de culpa e repressão que culmina numa espiral onde estas e outras criança são simultaneamente doestadores e vítimas.

ler post https://abonequinhaviu.wordpress.com/2010/03/12/a-fita-branca/

.

“El Secreto de sus Ojos”

. Filme Estrangeiro .

Em “O Segredo dos Seus Olhos”(2009) a conhecida melancolia dos filmes argentinos está presente assim como a frustração tanto de Esposito quanto Irene acerca do passado, das escolhas e possibilidade de novas mudanças. Além do romance ainda não declarado dos protagonistas, as questões políticas que cercam o crime, na época da ditadura, permanecem na medida certa, sutis ainda que necessárias em uma fita centralizada na justiça, na memória e que nos conecta com sua reflexão acerca da energia que nos move, seja o amor ou a sede de justiça.

ler post https://abonequinhaviu.wordpress.com/2010/03/15/el-secreto-de-sus-ojos/

.

“La Teta Asustada”

. Filme Estrangeiro .

Os elementos de “La Teta Asustada”(2009) são demasiado fortes e parecem absurdos num primeiro momento, porém o meticuloso olhar e estupendo mise-en-scène alinhado etnograficamente pela diretora e roteirista Claudia Llosa, que abre mão de qualquer pressão comercial, envolvem o contexto num fascinante realismo. As impecáveis composições de diversas cenas de casamento controem uma fidedigna, admirável e poética dissertação acerca da idiossincrasia folclórica, antropológica e sócio-cultural daquele microcosmo.

ler post https://abonequinhaviu.wordpress.com/2010/03/16/la-teta-asustada/

.

“Un Prophète”

. Filme Estrangeiro .

Um drama prisional elaboradamente delineado numa França contemporânea onde novas leis do governo Sarkozy acerca da repatriação de prisioneiros tem impacto direto no rumo das personagens. O protagonista, Malik El Djebena, órfão francês de origem árabe condenado a seis anos de prisão, o motivo pelo qual entrou é irrelevante, “Un Prophète”(2009) irá revelar os fatores definitivos num processo de auto-descoberta e a jornada que lhe moldou uma (nova) identidade.

ler post https://abonequinhaviu.wordpress.com/2010/03/18/un-prophete/

.

“Inglorious Basterds”

. Melhor Filme . Cinematografia . Direção . Ator Coadjuvante .  Edição . Som . Edição de Som . Roteiro .

.

“Up!”

. Melhor Filme . Animação . Roteiro . Trilha Sonora . Edição de Som .

no mais, patrocinio do telecine p TDUD e me deparo com lele twittando BBB M o R R i *_*
Anúncios
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: